quarta-feira, 1 de julho de 2015

Filha de Jota Cândido fala do desejo de justiça após 10 anos da morte do pai.

1146592_422331841217944_1101111943_n

Assim como a família do comunicador, a sociedade também espera que esta caso seja esclarecido de uma vez por todas e que os verdadeiros culpados paguem pelo crime cometido.

Na noite desta quarta-feira (01), aconteceu na igreja São Sebastião em Carpina,  a missa em lembrança dos 10 anos da morte do radialista Jota Cândido que foi assassinado brutalmente quando chegava a emissora Rádio Alternativa FM, a qual trabalhava.

Desde então, a família e sociedade anseiam pelo julgamento do caso que já fora adiado algumas vezes. Nesta noite ao término da celebração, uma das filhas do radialista, Karol Cândido, falou ao repórter Ednaldo Tavares a respeito da data de hoje e da espera pela justiça. "Dez anos de saudade, dez anos que meu pai e nosso amigo nos deixou. O sentimento é de saudade, desejo de justiça e com certeza a justiça vai ocorrer." - disse Karol confiante que falou sobre a celebração que estava lotada: "A missa foi muito bonita, muito participativa, igreja cheia, os familiares, os ouvintes e se Deus quiser vamos acreditar sim que a justiça vai ser feita no dia 8 de outubro."- disse Karol Cândido se referindo a nova data marcada para o julgamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário