quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Sobre as já costumeiras e absurdas faltas de oxigênio na UMC em Carpina saiba o motivo real.

Resultado de imagem para oxigênio hospitalar

Para variar, falta de pagamento. Não adianta quererem abafar, nem a gestão e nem talvez o fornecedor se quiser ser discreto (eu não seria). O fato é que a prefeitura já tem débito de um ano com o fornecedor e quando o pagamento das parcelas forçadas atrasam, o fornecimento de oxigênio é fechado pela inadimplência. É isso que vem acontecendo, não é porque o fornecedor atrasou, não é porque algum equipamento quebrou, é porque a prefeitura não pagou.

Vou registrar por desencargo de consciência o que tenho absoluta certeza que a prefeitura e a secretaria de saúde já sabem: saúde é prioridade. Oxigênio é um básico de um mais rampeiro hospital. Oxigênio é vida! Alguém pode morrer!

Não acredito que depois de ter elogiado tanto a Unidade Mista do Carpina nesta gestão eu esteja sendo obrigada a fazer este registro. Fundo do poço!
Dani Nurse

Nenhum comentário:

Postar um comentário