quarta-feira, 26 de junho de 2013

Cresce número de acidentes e mortes nas estradas que cortam Pernambuco durante a Operação São João 2013

 afc4a09db812746f273187fe43c638b8.jpg

A Polícia Rodoviária Federal (PRF-PE) registrou um crescimento de 27,77% de acidentes nas estradas que cortam Pernambuco durante a Operação São João 2013, levando em consideração o mesmo período do ano passado. As mortes também aumentaram. Foram sete este ano, contra quatro em 2012, com um aumento de 75%. Vale salientar que a operação do ano passado aconteceu entre a sexta-feira (22) e o domingo (24). Em 2013, começou à 0h da última sexta (21), finalizando à 0h da segunda-feira (24), ou seja, houve um dia a mais.
Foram registrados 115 acidentes, envolvendo 200 veículos, 48 feridos e sete mortes. Uma média de 28.75 acidentes, 50 veículos, 12 feridos, 1.75 mortes, por dia. Em 2012, foram contabilizados 90 acidentes, envolvendo 163 veículos, 61 feridos e quatro mortos.
Durante a operação 2013, foram realizados 1.204 teste de alcoolemia, tendo 69 motoristas autuados e 11 presos por dirigir com índice de alcoolemia superior a 0,30 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Foram fiscalizados 4.928 veículos, 36 retidos e 120 Carteiras de Habilitação foram recolhidas.
A operação teve início à 0h da sexta-feira (21) e término à meia-noite dessa segunda-feira (24) e contou com um efetivo de 550 policiais, 120 viaturas e duas aeronaves, sendo uma de resgate aeromédico e outra de patrulhamento.

Acidentes – Dos acidentes registrados, cerca de 30% aconteceram na BR-101, 34% na BR-232 e 4% na BR-423. Sendo as mais frequentes colisões traseira e lateral, além de saída de pista.
Por volta do meio-dia do sábado (22), na BR-101, quilômetro 106, em Sertânia, sertão pernambucano, um acidente envolvendo um Fiat Uno, placa MUY 8904/PE deixou dois mortos e um ferido após sair da pista. As vítimas fatais foram identificadas como Cícero Pedrosa da Silva, 66 anos e Maria Regina Ferreira da Silva, 64.
Outro acidente foi registrado na BR-424, quilômetro 91,9, às 20h30, em Garanhuns, no agreste do Estado. Uma colisão frontal, envolvendo um Fiat Uno, placa KKB 8213/PE e uma motocicleta Honda/ CBX 150, placa KHT 0352/PE deixou uma pessoa morta. O motociclista Luís Antônio de Barros, 24 anos, morreu no local.
Ainda no sábado (22), em Jucati, agreste pernambucano, BR-423, quilômetro 79, às 20h20, um homem identificado como Alexandre Ananias da Silva, 26 anos, morreu atropelado por um veículo não identificado.
Na madrugada da segunda-feira (24), uma colisão frontal envolvendo um Fiat Siena, placa PEJ 5013/PE e um Honda Twister, placa KHM 0242/PE, na BR-424, quilômetro 128, em Calumbi, no sertão, vitimou fatalmente Luciano da Silva, 25 anos.
Em Santa Maria da Boa Vista, um VW/ Voyage, placa KGV 9012/PE capotou e deixou três pessoas feridas e uma pessoa morta na BR-428, quilômetro 70,7, por volta das 17h. Edson Batista dos Santos, 38 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local.
Na noite da segunda-feira (24), um homem foi atropelado na BR-408, quilômetro 53, em Tracunhaém, na zona da mata pernambucana. Antônio Gomes da Silva foi atingido pelo Fiat Uno, placa KHH 7771/PE e morreu na hora.
Fonte: JC Trânsito

Nenhum comentário:

Postar um comentário