segunda-feira, 4 de março de 2013

Prefeito de Orobó, Chaparral, faz análise dos primeiros meses de gestão em entrevista ao blog

Sexta-feira, 1º de março, e o Dani Nurse Blog aterrissou na cidade de Orobó pela primeira vez após as eleições após as eleições a procura do prefeito e o encontrou naquele dia na prefeitura, local onde atendeu mais de 500 pessoas pacientemente. Lá mesmo almoçou.O prefeito Chaparral nos recebeu em seu gabinete onde fez uma avaliação dos primeiros 58 dias de governo, falou da relação com a sua equipe, da relação dos poderes executivo e legislativo e revelou ao povo oroboense através deste blog, onde tem encontrado a maior dificuldade nesse início de gestão. Acompanhe a entrevista:

































































































































































Prefeito diz que maior dificuldade no início de gestão é a financeira

Dani Nurse-58 dias de administração aproximadamente. O que dá pra dizer?


Prefeito Chaparral-58 dias de muito trabalho, de muita luta, de muita dedicação. Antes de a gente tomar posse no dia 1º de janeiro, a gente já tinha assumido a prefeitura porque o município da gente já estava naquele momento sendo abandonado pela gestão anterior, então pra mim não considero como cinquenta dias. Cinquenta dias que a gente está aqui nesta cadeira sentado trabalhando(referindo-se a cadeira de seu gabinete), nas comunidades... todos os secretários estão trabalhando muito. Estou preocupado porque não é brincadeira todo o trabalho que os secretários estão fazendo. Estou muito feliz com essa equipe, uma equipe nova, mas, uma equipe muito preparada. Estamos apenas começando esse início de governo.

Dani Nurse-Prefeito, onde o senhor encontrou maior dificuldade?

Prefeito Chaparral- A maior dificuldade é a questão financeira do município de Orobó. Aqui na prefeitura todo dia chegam contas da gestão anterior, fora duas folhas de pagamento que a gente tem, o décimo e o mês de dezembro da gestão anterior, como também, outras contas como Celpe, Compesa, telefone, entre várias contas que temos que pagar. E também minha amiga, os convênios, essa que é a parte mais interessante, a gente se encontra com algumas obras paradas no município e as contas dos convênios não tem exatamente nada. Não tem o dinheiro, pois esse dinheiro foi transferido para a conta movimento da prefeitura e não retornou para o convênio. É uma situação muito difícil que a gente está enfrentando, principalmente financeira, como também o instituto de previdência, a gente pegou um instituto falido com apenas 244 mil, você vê, outro município que foi criado o instituto de previdência, no ano que Orobó criou, como o município vizinho de Machados que tem 6 milhões, Casinhas tem 7 milhões, indo para o município de Bom Jardim tem 3 milhões, e Orobó hoje se encontra com 244 mil na conta, estamos pagando a folha dos inativos praticamente com o dinheiro da prefeitura, com recursos próprios do FPM porque lá está falido e onde a gente tem aí também 150 pessoas querendo aposentadoria e essas pessoas não foram aposentadas há mais de dois anos porque não tem dinheiro no instituto, quanto mais aposentar as pessoas, mais a situação piora. Então a gente está fazendo um levantamento e hoje já assinei uma procuração para que fosse denunciada a situação que a gente encontrou, um débito que foi confessado pelo prefeito anterior, um rombo de mais de 3 milhões,  e ele confessou esse débito e a gente já está enviando para os orgãos competentes essa situação do instituto de previdência. E também minha amiga, a prefeitura ainda se encontra inadiplente principalmente pela certidão do instituto, como também pelo INSS, a gente está tentando fazer um parcelamento com o INSS, pois o débito lá é grande, para assim a nossa prefeitura poder receber recurso do governo federal e a gente poder ajudar mais as pessoas e o  nosso município começar a caminhar de uma forma mais equilibrada financeiramente. Não é brincadeira o que a gente está enfrentando mas, essa situação a gente vai expor para toda a população oroboense com transparência. A gente vai mostrar como encontrou a prefeitura e agora como está com esses meses de governo, vou fazer uma avaliação agora nesse terceiro mês convocando toda a população.

Dani Nurse-Prefeito como anda a relação do poder executivo com o poder legislativo do município?

Prefeito Chaparral-A relação é muito boa. Sempre foi. A gente é amigo de todos os vereadores. Quando for algum projeto para a câmara que seja de um debate maior, eu vou estar lá para explicar, e o que a gente vai mandar para a câmara, são projetos de interesse para a população oroboense. Vamos trabalhar com fé em Deus que tudo vai dar certo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário