terça-feira, 22 de novembro de 2016

"Uma briga de família natural"- se defende vereador Preto do IPSEP da acusação de agressão da mulher.


O vereador reeleito em Carpina Preto do Ipsep, respondeu na tarde de hoje (22), no Programa Francisco Júnior via telefone, sobre a acusação de agressão feita pela sua esposa, Lico, que chegou a registrar um B.O. no final da tarde de ontem. O vereador se mostrou surpreso com o Boletim de Ocorrência, disse que não estava sabendo de nada. "Foi uma briga natural de família em 32 anos de convivência", Preto disse que foi um momento de "aperreio" da esposa e terminou a ligação em tom irônico agradecendo a esposa, "quero agradecer a ela por isso que ela fez" (ter registrado o B.O.).


Esperamos que tudo se resolva da melhor e mais justa forma possível para o vereador e sua esposa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário