domingo, 10 de julho de 2011

Cientista japonês faz do sanduíche mais popular do mundo uma merda! E no sentido da palavra...

Mitsiuki Ikeda

Este Japa da foto é um cientista que atende pelo nome de Mitsiuki Ikeda, e sua mais nova e polêmica experiência foi criar um hambúrguer feito a base de fezes humanas, a popular merda ou cocô que é mais delicado.
A alegação do mesmo é de que o hambúrguer feito de fezes(eca!!!), é que ele é extremamente baixo em gordura e reduz as emissões de resíduos e carbono.
A indústria frigorífica é responsável por 18% de nossa emissão de gases de efeito estufa, principalmente devido à liberação de metano dos animais.
O preço do hamburger de fezes é 10 – 20 vezes maior do que a carne normal, devido ao custo de pesquisas, mas Ikeda acredita que isso vai mudar em poucos anos.
Mesmo com todas as vantagens apresentadas, é difícil em meu ponto de vista achar argumento capaz de fazer uma pessoa experimentar o hambúrguer. Eu mesma não consigo me imaginar nem na pior fome! Ainda mais sem saber a procedência...Óbvio que devem fazer uma análise minuciosa para testar a qualidade e saúde das fezes, mas sinceramente, com tudo é extremamente repulsivo! Sei lá do rabo de quem saiu...

2 comentários:

  1. Isso é o que eu chamo, literalmente de : Fazendo merda.
    Quem comeria um sanduíche desse tipo?
    Eu que não gosto da idéia, prefiro dar à merda o destino mais apropriado: Privada e descarga.

    ResponderExcluir
  2. Comam merda! 300 bilhões de mosquitos não podem estar enganados!

    ResponderExcluir