quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Peritos da Polícia Federal auxilia em investigação de acidente com Eduardo Campos

Peritos da Polícia Federal vão auxiliar em investigação de acidente com Eduardo Campos
foto Douglas Aby Saber/ EPA
A Polícia Federal brasileira enviará a Santos, no litoral de São Paulo, seis peritos para auxiliar na investigação do acidente aéreo que vitimou, esta quarta-feira, o candidato socialista à Presidência, Eduardo Campos.

Os peritos irão auxiliar na identificação e libertação dos corpos das vítimas que estavam na aeronave que caiu num bairro residencial de Santos. A Aeronáutica realiza as investigações sobre as causas do acidente.
A aeronave Cessna 560XL, descolou por volta das 9.20 (13.30 em Portugal Continental) do Rio de Janeiro e tinha como destino o aeroporto do Guarujá, no litoral de São Paulo.
Abordo seguiam sete pessoas, entre elas Eduardo Campos, assessores do candidato, um fotógrafo, um operador de câmara, o piloto e o copiloto. Na queda, o jato particular atingiu dez imóveis, segundo a Câmara Municipal de Santos, e deixou feridas pelo menos onze pessoas que estavam na rua ou nas suas casas.

O pronto-socorro municipal recebeu cinco feridos, quatro deles com queimaduras leves, e todos tiveram já alta. A Defesa Civil de Santos vai avaliar o estado dos imóveis atingidos.

"Todos os corpos estavam desintegrados", afirmou o chefe da Defesa Civil, Daniel Omias, citado pela edição eletrônica do diário Folha de São Paulo.

Fonte: Jornal de Notícias PT

Nenhum comentário:

Postar um comentário