quarta-feira, 28 de julho de 2010

Na Justica: Jarbas vai denunciar Eduardo por uso da máquina

A coligação Pernambuco Pode Mais, que tem o senador Jarbas Vasconcelos como candidato ao governo estadual, deve ingressar com representação contra o governador Eduardo Campos (PSB) no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Os oposicionistas devem bater na tecla do uso da máquina pública em favor da candidatura à reeleição do socialista.

A justificativa para a representação eleitoral seria o envio aos jornais e blogs de fotografias do governador, na condição de candidato à reeleição, pela Secretaria Especial de Imprensa (SEI). As fotos, com a assinatura de um profissional da SEI, retratavam o governador na Missa do Vaqueiro em Serrita, município sertanejo distante 544 quilômetros do Recife.

“A coordenação da campanha sinalizou para entrarmos com o processo”, disse o advogado da coligação, Lêucio Lemos. Segundo ele, a assessoria jurídica está reunindo material e discutindo que aspectos abordar na representação. Os oposicionistas preferem não falar em data para protocolá-la no TRE.

O senador Jarbas Vasconcelos acenou para essa possibilidade na última segunda-feira, ao término de uma caminhada na Bomba do Hemetério, Zona Norte do Recife. “Estamos acompanhando e anotando tudo”, respondeu ao ser questionado pela imprensa sobre a viagem do adversário ao Sertão. No mesmo dia, Lêucio se reuniu com outros advogados da coligação oposicionista para discutir a possibilidade de entrar com um processo contra o governador.

A advogada da coligação liderada por Eduardos Campos, Virgínia Pimentel, preferiu não comentar o assunto, pois ainda não existe nada de concreto na Justiça Eleitoral.

Perda de peso – Diferentemente desta terça-feira, Jarbas conversou mais com a imprensa. O senador fez uma caminhada no bairro de San Martin ao lado de Marco Maciel, candidato à reeleição ao Senado, e de candidatos proporcionais. O dia de hoje estreou uma nova estratégia da campanha oposicionista, a de dividir a chapa majoritária em vários eventos no mesmo dia. A ideia é maximizar a presença da coligação Pernambuco Pode Mais no estado.

Na caminhada, o senador comentou que já perdeu três quilos desde o início da campanha e que espera emagrecer mais, pois pretende aumentar o ritmo das atividades. Nesta quinta, Jarbas fará uma nova caminhada na comunidade do Sítio do Cardoso, na Madalena.

Fonte: Pernambuco.com

Um comentário:

  1. ABUSO DE PODER DO GOVERNO EDUARDO CAMPOS,

    Quebra de edital do concurso CFOA/2009 PMPE, numa articulação politica, o governador de pernambuco sem respaldo juridico criou vagas para oficiais da administração da PMPE, E CONTRARIOU O EDITAL QUE PREVIA TÃO SOMENTE 39 VAGAS, e para beneficiar apadrinhados politicos foi aprovada uma lei do dia pra noite criando mais 225 vagas e colocando os suplentes mesmo depois do prazo de validade do edital, que segundo parecer da PGE, DEVERIA SER OCUPADA ESSAS NOVAS VAGAS COM UM NOVO CERTAME, o que provocou muitas ações populares contra o comandante geral da PM, MUITO EMBORA toda articulção foi determinada pelo governo para beneficiar partidários.
    Estamos hoje com seis ações judiciais, porém todas estão paradas, sem andamento, uma vez que a convocação dos ilegais dserá no dia 23 próximo.
    Sem mais gostariamos de dizer que o governo está beneficiando 225, que no futuro terá o ato anulado no STF, e está prejudicando mais de 1000 (mil) subtenentes e sargentos que disputariam essas vagas de foma justa e legal.

    ResponderExcluir